quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Stan Lee Media processa a Disney em 5,5 bilhões de dólares


Empresa alega que personagens da Marvel

 nunca foram para a Disney

Érico Borgo
09 de Outubro de 2012

Stan Lee 
Stan Lee
Depois de processar a Marvel Entertainment em 2007aMarvel, Avi Arad e o próprio Stan Lee em 2009 e aParadox Entertainment em 2011Stan Lee Media - empresa que, apesar do nome, não tem mais Stan Leeentre sua diretoria ou funcionários - abriu hoje um processo de 5,5 bilhões de dólares contra a Walt Disney Company, exigindo lucros com os personagens que Lee criou para a Marvel Comics, como Homem-AranhaVingadores X-Men.
Segundo a empresa, os direitos dos personagens criados por Stan Lee foram passados a eles na criação da empresa, em 1998. O criador foi pago com ações da Stan Lee Media, que perderam todo o valor em 2001, com o fim da chamada "bolha" da Internet - o frenesi de acionistas e
 investidores com a nova mídia. Os acusadores alegam 
que Lee teria negociado esses direitos com a Stan Lee 
Media e, simultaneamente, chegou a um acordo com a
 Marvel Comics para abrir mão desses mesmos direitos.
 Para eles, os direitos nunca foram para a Disney -
atual dona da Marvel - já que jamais deixaram a 
Stan Lee Media. Os 5,5 bilhões solicitados referem-se 
aos copyrights de todos os filmes e merchandising desde
 a aquisição da Marvel pela Disney.
Até o momento, nenhum dos processos abertos pela
 Stan Lee Media rendeu frutos para a empresa.